MASCARA BAULE JUTA 85CM
Cód:
GNAC0010400000

Nossos produtos são artesanais. Sendo assim, pequenas alterações nas cores, desenhos, tamanhos, pesos e formatos das peças podem ocorrer

Por: R$ 740,00ou X de

Opções de Parcelamento:
  • à vista R$ 740,00
  • 2X de R$ 370,00 sem juros
  • 3X de R$ 246,66 sem juros
  • 4X de R$ 185,00 sem juros
  • 5X de R$ 148,00 sem juros
  • 6X de R$ 123,33 sem juros
  • 7X de R$ 105,71 sem juros
  • 8X de R$ 92,50 sem juros
  • 9X de R$ 82,22 sem juros
  • 10X de R$ 74,00 sem juros
Outras formas de pagamento

Calcule o valor do frete e prazo de entrega para a sua região

Descrição do Produto

Origem: GANA
Cidade: ACCRA
Material Principal: MADEIRA/
Tamanho (LxPxA cm): 22x15x85
Peso (kg): 2,700

Descrições

ApresentaçãoOs integrantes da tribo Baule resistiram à colonização dos franceses mais do que qualquer outro povo do oeste africano. Eles conseguiram manter as suas práticas, tradições e crenças durante este período negro. Ao contrário da maioria das outras tribos, eles têm uma aversão a rigorosos sistemas políticos. Eles não se envolvem em iniciações, sistemas de classe por idade, sociedades secretas, circuncisões ou quaisquer outras funções que são ditadas pelo controle hierárquico. Cada aldeia é auto regida pelos anciãos e todos participam das discussões, incluindo os escravos quando houvesse algum. Artisticamente falando, o Baule da Costa do Marfim não reconhece itens que são rotulados como "arte". Os membros da tribo não se identificam com a "experiência de arte". O Baule não se apega aos bens materiais por razões estéticas e sim, pela importância espiritual do objeto.
As máscaras são criadas e utilizadas apenas por homens para fazer contato com Gu, rei dos mundos. Os buracos nas laterais da máscara ajudam a anexar a máscara ao rosto do dancarino.
São usadas em danças durante as festas de colheita, em procissões para homenagear visitantes ilustres e nos funerais de pessoas importantes.
  • Criado por evision plataforma vtex